sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

PRA MINHA IRMÃ ... SILVIA!
A vida me concedeu um desejo sem tê-lo pedido: ter irmãs...e vc é especial!!!
Compartilhamos tanto durante estes anos que o laço que nos une não tem preço e durará para sempre. Juntas íamos à escola, juntas esperávamos a magia do Natal, juntas tolerávamos a chatice da "hora de dormir" em plena tarde, juntas imaginávamos o amanhã.Juntas vivemos o bom e o mau, as tardes brincando de casinha e a febre das doenças infantis, o riso incontrolável de nos ver cair com os primeiros patins e a emoção dos primeiros amores. A vida era mais fácil porque aprendíamos juntas.Por todo esse mundo compartilhado, uma irmã é nossa amiga, mas também é parte de nós mesmas, como jamais alguém poderia ser. Uma irmã conhece as fraquezas do nosso coração e nos anima a superá-las. Só com uma irmã podemos ser sempre um pouco menina.Com você hoje posso rir, posso chorar. Posso lhe contar tudo ou simplesmente ficar calada. Com você e com nenhuma outra amiga, sou eu mesma, sem disfarces.Entre todas as relações de afeto que podemos cultivar na vida, o carinho que nos une a uma irmã é único, indestrutível e não conhece jamais as distâncias, nem os silêncios.Para uma irmã jamais seremos inoportunas... ela estará disposta a nos ajudar, sem que lhe importem a hora ou o dia. Uma irmã nos escuta, nos consola, nos estende sua mão sem perguntas. Quando a vida parece mais difícil... saber que conto com o seu apoio incondicional torna minha carga muito mais leve; posso expressar meus medos porque você entende exatamente de onde eles vêm e sabe como dissipá-los.As pessoas que conhecemos nos acham parecidas. Como não ser se reconhecemos uma na outra só no olhar, as vivências, as memória, os sonhos herdados, os sonhos que começamos juntas. Eu e você, juntas, somos o passado da família e seremos seu futuro.Nunca nos faltam as palavras. Com uma irmã podemos conversar durante horas sobre temas sem importância, ou nos confessar a dor mais profunda sussurando no meio de uma multidão.Contar com você deu à minha vida mais luz, mais alegria, mais confiança.Nem sempre concordamos...Escolhemos percorrer caminhos diferentes.Nossas opiniões, nossa maneira de enfrentar a vida podem ser diferentes...Contudo, todos os nossos problemas sempre têm solução.Às vezes, quase como um espelho, nós nos refletimos uma na outra e, outras vezes, não podemos ser mais opostas. Mas, apesar de tudo, qualquer que seja a situação, nós nos queremos de forma incondicional...as vezes me sinto ah irmã caçula, com tanta bobagem que faço ahahahahahaha.
Você me ensinou a cuidar do que amo e a valorizar os pequenos detalhes.Eu lhe ensinei a ser menos exigente com você mesma e a desfrutar mais do presente.Obrigada por me escutar sem me julgar, por me dar conselhos sem pressionar.Obrigada por me ajudar a ter confiança em mim, e por me fazer saber, sem palavras, que você sempre vai estar ao meu lado.O melhor de sermos irmãs é este sentimento tão profundo de poder dividir tudo. Ocupadas com interesses diferentes, mas sempre próximas. Lutando para alcançar nossas metas, mas sem nos perder de vista. Vivendo nossas próprias vidas, mas sempre juntas.Sendo minha irmã, você foi testemunha tanto de minhas vitórias quanto de minhas derrotas.Você sempre espera o melhor para mim, mas me aceita exatamente como sou.
Você foi minha confidente e meu apoio, você me deu esperança e me ajudou quando eu mais precisei de vc. Por que sabe mais que ninguém de que preciso para seguir em frente. E não existe uma brecha capaz de nos manter separadas quando uma precisa da outra.

Minha Irmã, minha Amiga, fomos mudando juntas, mas para mim você sempre será a memória dos meus sonhos, a solidez do meu amor, e a volta pra casa...Que a vida a encha de alegrias; eu estarei ao seu lado para celebrá-las...SEMPRE!
Tenho carinho por meu irmão e irmãs, mas vc Si, és especial. Se existe mais de uma alma gêmea em nossa vida, tu és uma delas na minha. Neste plano físico, és a pessoa que mais amo neste Universo, depois dos meus filhos.Obrigada por tudo!!!
TE AMO MINHA IRMÃ!


Sempre contigo no aqui, no agora e no amanhã.
Paulista
Talvez, se Chico fosse paulista...

Concreta, megalomaníaca, paulista. Acorda, engata a primeira e não freia nunca. O metrô lambe os trilhos e o povaréu sonambulamba no vagão. Hoje à noite tem show, e tem palco, e tem dança, e mais dança, e o que mais você quiser. O sol se projeta no vergalhão de seus prédios e proclama sua força; o cinza do céu e o do chão se confundem, cidade bandida, furta-cor. Metrópole esplendorosa, és minha e somente minha, és abrigo, perigo e conforto. De dia, novos hippies vendendo bugigangas e alegria. De noite, meninas duvidosas preenchem tuas esquinas e te douram com seus brilhos forçosos. E a juventude sem idade sai às ruas, como quem sai de jaulas, pra te curtir.


Concreta, cretina, paulista.