quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

É... Reconstruindo.


Comprei chocolate...parei o carro...sentei na grama...olhei o céu.
Os livros me mostraram muito, as pessoas, as conversas...
Os dias divertidos, as risadas no final de semana, os dias de fúria, de raiva.
Os dias de saudades, minutos de criança, horas de fé.

Encontrei pessoas tranqüilas, velhinhos saudáveis que me disseram:
Vc tá triste? Posso ajudar? Quer caminhar conosco...? É bom.

Passei horas relembrando minhas histórias...minha vida...minha fé!
Pensei nas aulas de yoga, que deixei pra trás por pensar nas palavras de uma pessoa...
" Em vez de você praticar yoga, porque você não vai REZAR!" Isso acabou comigo! =/

É...acho que tenho que rezar, rezar muito mais, quem sabe papai pode me escutar!
"As vezes acho que ele não me escuta mais!"
Estou lendo muito rápido , diria que engolindo as palavras. Menos de um mês e lá se foram uns 6 livros.
Nesse tempo decidi não ler mais romance espírita ( tudo muito igual) e peguei uma biografia.
Que se chama..."Depois daquela viagem"

Percebi que tem muita coisa nesse mundo, e eu ainda to meio parada pra ele.=//

Lendo o jornal da semana, vi uma historia de um velhinho japonês, que aos 80 anos, cultiva jardins e bla bla., ele faz aniversário essa semana
E pensei...

Quando eu tiver 80 anos, como vai ser meu aniversário?
"Será que eu vou parar e pensar." Poxa, pode ser o último?
Eu já ouvi muitos velhinhos falarem isso... parece que a idade vem e as pessoas já pensam na morte.
Pra mim a morte ta aqui do lado. Então decidi que em todos os meus aniversários eu vou pensar como uma velhinha.
-Será o último?
Assim, quem sabe eu aproveito melhor aquele ano e faço uns jardins pra cidade *_*

Hoje estou meio alheia as pessoas, estou longe de muita gente e querendo ficar longe mesmo.
Me preocupei muito com "outros" tanto que quando esses "outros" já estão bem cuidados eles vão embora, e eu fico aqui esperando.

Outra palavra que eu não quero mais usar = "cansei"
Eu quero é ter vontadesss e mais vontadesss, nada de cansar!




"Falei e falei. Até a hora que senti vontade de calar."



Apreço tenho muito apreço...estou tranquila, a raiva vem e vai para os cancerianos.
A felicidade é um momento bom, que eu quero preservar, nem que seja 2% ao dia.
Não sou perfeita, ninguem é feliz toda hora, nem triste uma vida inteira.
Eu sou HUMANA...sou SANDRA...sou ALICE...e as vezes, sou VELHINHA com 80 anos.=/
Eu quero mesmo é continuar sendo a SAN...As vezes baladeira, as vezes caseira, as vezes carente, as vezes solitária, as vezes sorridente.
Eu sei, as vezes ela vai me machucar, me fazer chorar...mas faz parte!

Eu to bem!!!

ótima quinta-feira pra todos.

By San.