quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

E vou vivendo assim, um dia de cada vez...

"E na madrugada quando ninguém pode ver ou me ouvir, eu choro quietinha, sozinha. Não que a dor passe, mas alivia. Então na manhã seguinte eu sempre acordo bem!
E vou vivendo assim, um dia de cada vez..." =)